Refinansiering | Pelinäppäimistö | Beste Bensinkort | Strøm | Boligalarm | Beste Forsikringsselskap | Billigste Mobilabonnement 2019 | Varmepumpe Best i Test
Loading...

Empresas em franco crescimento: 7 erros básicos que devem evitar.

19 de abril de 2018 - ACIF, Destaque, Economia, Finanças e Contabilidade, Empreendedorismo e Negócios

Empresas em franco crescimento: 7 erros básicos que devem evitar.

Tudo que a ACIF deseja é que seu negócio cresça muito em pouco tempo. Porém, é nosso papel alertar você sobre erros que podem surgir no começo da sua caminhada. Um gestor antenado percebe que estabilidade é muito importante na fase inicial da empresa.

Deve-se pensar alto, mas com inteligência e segurança. Muitos empreendimentos crescem rápido demais, e acabam sofrendo com oscilações. Entenda alguns motivos:

 

1) Obtenção de receita

A obtenção de receita é um aspecto delicado para empresas precoces. Geralmente, empreendedores recorrem a empréstimos, financiamentos e investidores para garantirem uma certa reserva de caixa. Esta estratégia pode ser um risco.

A quantia excedente traz mais encargos e juros, números que poderiam integrar a margem de lucros da empresa. Se este dinheiro não é seu, ele é sinônimo de prejuízo.

 

2) Contratações equivocadas

As coisas vão bem e chega a hora de aumentar a equipe. Antes de contratar um novo talento é fundamental diagnosticar a função e o perfil deste futuro membro da equipe. Acelerar a produção é importante, mas uma escolha errada pode surtir o efeito contrário.

Outro aspecto delicado é prolongar uma contratação que não deu certo. Insistir em um funcionário que tem correspondido pouco pode atrasar seu progresso e gerar custos extras. Selecione seus candidatos com responsabilidade.

 

3) Parar de inovar cedo demais

Geralmente, empresas crescem rápido porque efetuam bem uma boa ideia. Passado o boom inicial, muitas delas assumem posturas conservadoras. Erro que pode ser fatal e pôr um começo promissor a perder.

Manter a inovação constante, investir em pesquisa, tecnologia e capacitação são o segredo para nunca tirar o pé do acelerador. Preste atenção aos seus concorrentes, e perceba como eles reagiram a sua chegada, pode gerar ideias interessantes.

 

4) Tome as decisões que precisa, delegue o resto

Muitos gestores se envolvem pessoalmente em todos os impasses do cotidiano. Esta prática pode ser necessária no começo, mas fatalmente atrapalhará o foco em pontos cruciais com o crescimento do negócio. O ideal é contar com colaboradores de confiança e delegar tarefas e responsabilidades. Você deve reservar tempo para pensar na estratégia e gerar novas oportunidades.

 

 

5) Amigos, amigos. Negócios à parte

Desentendimentos com sócios, parentes e parceiros são mais comuns do que se imagina. Muitas empresas, em fase de abertura, contam com o apoio de cofundadores e amigos. Devido à intimidade, as pessoas deixam de formalizar estas condições, como participações em capital, propriedades intelectuais, etc. Acontece que, tempos depois, quando a empresa está em um bom momento, estas pessoas reaparecem, exigindo a parte delas no lucro. Disputas como estas abalam profundamente o andamento do negócio.

 

 

6) Ignorar a escalada de crescimento e demanda

Manter nível de atendimento é fundamental para empresas que estão conquistando o seu espaço no mercado. Não adianta possuir as melhores tecnologias e uma equipe talentosa se o contato com os consumidores for negligenciado.

Tenha padrões elevados quanto a comunicação com a sua audiência e certifique-se de que eles estão evoluindo com o resto do negócio. Do contrário, esse fator pode acabar se tornando uma barreira para o seu sucesso.

 

 

7) Perder a identidade e os valores da sua empresa

Aquele papo de “missão, visão e valores” não serve de nada se ficar apenas no discurso. É necessário coloca-los em prática e vestir a camiseta. Lembre-se que os valores que um negócio pretende gerar devem fazer parte do seu dia a dia de funcionamento, serem cultivados para que colaboradores se conectem aos objetivos, e transmitam a mesma vibe aos seus consumidores. Um conceito forte e verdadeiro diz muito sobre a motivação do seu empreendimento.

 

Então é isso, colega empresário. Se o seu negócio vai bem, estamos felizes por você e sempre prontos para ajudar e dividir conhecimento. Esteja ciente das armadilhas do mercado e lembre-se: persistência, autoconhecimento e evolução constante devem fazer parte do seu cotidiano.

Até a próxima!

LEIA TAMBÉM

Entidades defendem a participação do Executivo e do Legislativo em missões empresariais ao exterior
#ACIFloripando Trilha Aquática
Abrem Inscrições do Prêmio ACIF de Jornalismo

Newsletter

Você vai adorar interagir com a gente, prometemos!

Newsletter - Acif

Aguarde...