Refinansiering | Aktiivikaiuttimet | Beste Kredittkort med Rabatter | Strømpriser Sammenligning | Verisure Erfaringer | Billig Forsikring | Billig Mobiltelefon | Billig Advokat
Loading...

Dia das Mães: 5 dicas para driblar a crise sem deixar de vender

6 de maio de 2020 - Notícias em Geral

Dia das Mães: 5 dicas para driblar a crise sem deixar de vender

 

O Dia das Mães está chegando. Mas a crise causada pelo coronavírus deixa o mercado sem previsões de vendas para essa data tão importante para o comércio. Pensando nisso,, decidimos reunir algumas dicas para que suas vendas não sejam tão afetadas pela crise. Afinal, a ACIF está sempre junto ao empresário!

Com as medidas de isolamento social, o empresário deve apostar nas vendas online. Segundo a pesquisa Behup/Globo 2020, 81% dos entrevistados irão comemorar o Dia das Mães, mesmo com a atual situação. Destes, 85% está a procura de presentes, e a grande maioria disparada (82%), afirmam que irão comprar online.

Na mesma pesquisa, 57% afirmam que esse Dia ganhou ainda mais importância pela crise que vivemos. Já que muitos filhos não passarão essa data com suas mães. E por isso, aumenta o interesse pela busca de um presente.

E, adaptar seu negócio para as vendas online é bem simples. Você não precisa ter um site com todos os produtos. Comece com o Instagram. Essa rede social virou um enorme e-commerce, ainda mais com a quarentena. Por exemplo, na Páscoa, muitas lojas de chocolates fizeram suas vendas pelo chat do Instagram.

Com muitos negócios tendo que se adaptar ao meio digital para continuar as vendas, aumentou a confiança do consumidor sobre pagamentos e pedidos online. Isso dá segurança para os empresários que ainda tinham algum receio de ir para o e-commerce.

Então vamos as dicas!

1.Volume de estoque

Você já deve ter em mente que mesmo realizando muitas vendas, este ano será diferente de todos os outros pela COVID-19. Então, tenha cautela na compra do estoque, para evitar prejuízos. Negocie com fornecedores para ter prazos diferentes de entregas.

2.Preços e promoções

Lembre-se que a crise atingiu todas as pessoas. E muito de seus concorrentes podem estar fazendo preços mais baixos ou descontos progressivos. Isso tudo, para que a venda aconteça, e quem sabe, fidelizar mais clientes.

Para isso, defina o preço de venda e possíveis descontos, para que você saiba qual é o limite de lucro que pode chegar. 

3.Monte kits e faça parcerias

Muitas empresas já estão fazendo kits ou cesta com vários produtos da loja. Isso atrai o olhar do comprador, que vê uma chance de “comprar mais itens”. E é muito benéfico para seu negócio, pois traz o giro de estoque.

Além disso, você pode procurar outras empresas que tenham o negócio parecido com o seu, para parcerias. Por exemplo, entre uma pizzaria e uma loja de vinho. Ou então uma floricultura e uma loja de chocolate. Assim, podem fazer kits juntos ou desconto em produtos e serviços comprando em um dos lugares.

Com isso, os dois negócios ganham. Facilitando a montagem do produto, melhorando o presente e dividindo o frete. 

4.Vale-presente futuro

Muitos negócios que dependem do cliente presencial – e até outros que não – estão trabalhando com o vale-presente futuro. Você vende o serviço hoje, e ele fica agendado para ser utilizado quando tudo isso passar. 

Assim, você fatura e ainda ganha fidelização de novos clientes

5.Delivery

O delivery está salvando muitas empresas, que estão fazendo a maioria de suas vendas dessa forma. E isso não funciona só para o setor de comida. Como as compras virtuais estão em uma constante alta, a demanda por delivery também.

Por isso, planeje suas vendas com essa comodidade. E você não precisa gastar mais por isso, basta mobilizar sua equipe para fazer as entregas.

LEIA TAMBÉM

Semana do meio ambiente: lixo orgânico
Semana do meio ambiente: conheça o ReÓleo
A importância do seguro de vida

Newsletter

Você vai adorar interagir com a gente, prometemos!

Newsletter - Acif

Aguarde...